Primeiro hospital da Unimed em Campinas começa a funcionar em janeiro

Unidade está instalada na Vila Industrial e será destinada apenas para atendimento programado, já que não possui Pronto-Socorro

Hospital Unimed CampinasSerá inaugurado em 15 de dezembro e começa a funcionar no dia 3 de janeiro de 2018 o Hospital Unimed Campinas, primeira unidade hospitalar da Cooperativa na cidade.  

Está instalado na Rua São Carlos, na Vila Industrial, onde já funcionou o hospital Álvaro Ribeiro, que foi desativado em 2009. As reformas no prédio duraram um ano e os investimentos foram de R$ 42 milhões em instalações e equipamentos, promovendo expansão da oferta de serviços próprios pelas operadoras de saúde em reforço aos serviços contratados ou credenciados, de acordo com a Cooperativa.

A unidade irá oferecer apenas atendimento eletivo ou programado, já que o local não possui unidade de Pronto-Socorro nem de Pronto Atendimento. O novo hospital é uma unidade de médio porte e possui 88 leitos no total, sendo 20 leitos de UTI. Centro Cirúrgico com três salas e unidade de internação cirúrgica, central de esterilização de materiais, serviço de radiologia, laboratório de análises clínicas, endoscopia digestiva e ambulatório para curativos e infusões completam a estrutura física.

O hospital dará suporte às necessidades de internação hospitalar dos pacientes da Assistência Domiciliar (ADUC) e para os clientes em tratamento de câncer no Centro de Quimioterapia Ambulatorial (CQA), com todas as informações dos pacientes integradas. As instalações acomodam inclusive o staff do serviço de Assistência Domiciliar.

Hospital Unimed CampinasDe acordo com o diretor-presidente do hospital, José Windsor Angelo Rosa, a nova unidade hospitalar será um balizador de qualidade para o atendimento oferecido pela Cooperativa, além de preencher uma lacuna na rede hospitalar da cidade.

A Unimed Campinas é a maior operadora da RMC e a que mais utiliza os leitos da rede privada disponibilizados aos planos e seguros saúde. A nova unidade, portanto, irá representar um alívio para a rede hospitalar da cidade e da região, além de suprir eventuais carências assistenciais que os 22 hospitais credenciados da rede ocasionalmente não suportem.

A abertura do novo hospital gerou 370 novos postos de trabalho e as contratações privilegiaram mão de obra radicada em Campinas e nas demais cidades da área de ação da Cooperativa. O hospital vai contar com um corpo clínico permanente, mas estará aberto a todos os cooperados das diversas especialidades que tenham interesse em internar ou utilizar as instalações do hospital.

O funcionamento do Hospital Unimed Campinas ocorre dois anos após o início das atividades do Pronto Atendimento de Sumaré (PAUC), a primeira unidade própria da Cooperativa fora de Campinas, e que já é referência em urgências e emergências médicas na microrregião de Sumaré, compreendida também pelas cidades de Paulínia, Hortolândia e Monte Mor.

A Unimed Campinas, segunda instalada no país, completa 47 anos no final de 2017. Reúne 3.300 médicos cooperados, 22 hospitais e 205 serviços credenciados, como clínicas e laboratórios, 11 hospitais-dia e um Centro de Quimioterapia Ambulatorial. São 765 mil clientes, sendo a maior Unimed do interior do Brasil. No total, são mais de 11, 5 mil empresas contratantes. Além da cidade de Campinas, compõem a área de ação 13 municípios: Artur Nogueira, Cosmópolis, Hortolândia, Holambra, Indaiatuba, Jaguariúna, Monte Mor, Paulínia, Santo Antônio de Posse, Sumaré, Valinhos e Vinhedo.

comentário(s)