Unicamp na Agenda

Coral Canarinhos da Terra participará do Criança Esperança

O Projeto Canarinhos da Terra - Unicamp, estabelecido como projeto de extensão da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (Preac), acaba de ser selecionado para fazer parte da edição 2018 do Projeto Criança Esperança, na área de Arte  Cultura. A seleção foi divulgada pela Unesco e, em breve, o diretor executivo do projeto, Luiz Simoni, deve assinar o contrato de participação. O Canarinhos é um programa de responsabilidade social com foco em cultura, música e canto, desenvolvido em parceria com a Unicamp desde 2003. Ao saber do convite, o Portal Unicamp conversou com Simoni sobre o assunto.

Portal Unicamp  – O que o sr. sentiu no momento em que recebeu a notícia da Unesco? Foi surpreendido?
Luiz Simoni -
 Ficamos muito emocionados, pois a seleção é realizada em âmbito nacional entre mais de dois mil projetos.

Portal Unicamp - Qual o mérito dessa participação?
Luiz Simoni -
 A seleção é realizada pela Unesco num processo que avalia histórico, qualificações, conquistas, objetivos e atuação do projeto com crianças e adolescentes. São analisadas ainda as metodologias utilizadas e os processos de monitoramento e de avaliação de resultados. Trata-se de uma seleção bastante técnica.

Portal Unicamp - O que esta seleção pode representar para o Projeto Canarinhos em termos futuros?
Luiz Simoni -
 Esta escolha traz ao projeto uma visibilidade nacional, o que pode facilitar a obtenção novos apoiadores e patrocinadores para o custeio de nossos programas, uma vez que todas as atividades culturais e educativas são oferecidas de forma gratuita aos  alunos, através da utilização das Leis de Incentivos Fiscais.

Portal Unicamp - O sr. poderia falar um pouco sobre o projeto?
Luiz Simoni -
 O Coral Canarinhos da Terra foi fundado em 1996 como uma associação de pais. A partir de 2002 teve seus objetivos ampliados incorporando a responsabilidade social e a educação em seus objetivos estatutários, consolidando-se através da parceria com a Unicamp, que permitiu sua transformação em projeto sociocultural. Além disso, ampliamos o seu conceito de coro tradicional para o de coral cênico, com dramatização e dança integrados. Atualmente temos dois programas: o Escola Coral (com 120 jovens e crianças) e o Coral na Escola com cerca de 380 jovens. O programa Escola Coral, que é realizado na Unicamp, mantém os grupos Korallito (6 a 8 anos de idade), o Alegretto, composto por jovens dos 9 aos 12 anos, e o grupo Jovem com participantes dos 14 aos 21 anos. O programa Coral na Escola é desenvolvido em parceria com as escolas públicas de Campinas de ensino fundamental e de ensino médio  utilizando as mesmas metodologias.

Portal Unicamp – O Coral mantém algum tipo de parceria com alguma instituição de ensino?
Luiz Simoni – Sim. Mantemos parcerias com as seguintes escolas: E.E. José Pedro de Oliveira, E.E. Culto à Ciência, e, desde março, iniciamos um grupo no Colégio Técnico de Campinas, o Cotuca da Unicamp.

Portal da Unicamp – Como se dá o acesso ao projeto?
Luiz Simoni 
- O acesso ao projeto é aberto e realizado a cada início de semestre em função da disponibilidade de vagas, e obedecendo critérios socioeconômicos dos alunos, mas sempre conseguimos encaixar todos os interessados.

Portal Unicamp - Quem faz os arranjos musicais para o projeto e o que o Espaço Cultural Casa do Lago representa para o Canarinhos tendo em vista que os ensaios ocorrem no local?
Luiz Simoni -
 O projeto utiliza profissionais oriundos da Universidade, mestres, doutorandos, bacharéis e alunos. Muitos de nossos arranjos são feitos por grandes nomes da regência coral juvenil. A Casa do Lago é o nosso ponto de apoio em todos os sentidos. É o local onde ensaiamos, realizamos apresentações para a comunidade e as reuniões de trabalho.

Portal Unicamp - Além do convite da Unesco, o coral já recebeu algum outro tipo de distinção ou premiação?
Luiz Simoni -
 Sim. A Medalha Carlos Gomes, o Prêmio Ludicidade-Pontinhos de Cultura 2008 do Ministério da Cultura; o Mapa Cultural Paulista 2009 da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo; Prêmio Areté-Eventos em Rede 2010 do Ministério da Cultura; Prêmio Itaú Unicef 2013 da Fundação Itaú social, Unicef, entre outros.

Portal Unicamp - Em que localidades o Coral já se apresentou?
Luiz Simoni –
 No Estado de São Paulo o Canarinhos já se apresentou no Centro de Convivência Cultural de Campinas e nos teatros Castro Mendes e Sesi. Em Paulínia esteve no Teatro Municipal da cidade. Em Jundiaí, no Polytheama. Já no Estado da Bahia as apresentações ocorreram no Sesc-Pelourinho, no Teatro Dona Canô e no Eva Herz. Também participou de eventos culturais em Varginha e Belo Horizonte (MG), Campos do Jordão (SP), Novo Hamburgo (RS), entre outros no interior paulista. Em dezembro de 1999, o Canarinhos representou o Brasil no “XXX Congresso Internazionale de Pueri Cantores”, realizado em Roma cantando ainda em Assis e Veneza.

Portal Unicamp - Que recado o sr. deixaria aos jovens que pretendem ingressar no mundo da música de coro?
Luiz Simoni -
 Aproveitem a oportunidade. Esta experiência artística abre muitas janelas de conhecimento e de percepção. Ela estimula e provoca protagonismo e criatividade. Temos muitos exemplos de jovens que moldaram suas carreiras depois de passar pelo projeto. Outros não mudaram suas carreiras porém mudaram a forma de perceber e interpretar o mundo. Em tempos de tantas notícias ruins, de decepções, oferecemos um tempo de esperança, beleza, de alegria, aprendizado e de construção da cidadania, um legado para o amanhã.
(Hélio Costa Júnior)

SERVIÇO
Canarinhos no Facebook 
Contatos: 19- 3579-0583/19-99346-5738
E-mail: canarinhos@hotmail.com

 
Comentar

Guayrá é nome de novo romance histórico

Não mais se ouvirão os coros das vozes dos cantores do Guayrá. Não mais apreciarão a arte talhada nos santos e as armas forjadas no Guayrá. Não se achará mais nada em ti, Roma. Não se achará mais nada em ti, Portugal. Não se achará mais nada em ti, Espanha. Não se achará mais nada em ti, ó juruá!"

Comentar

Os hábitos e os costumes do povo Bantu

É da madeira de Cabinda (Pausinystalia macroceras, mais conhecida por Yohimbe) entalhada onde cria-se diversas peças de arte. “Lágrimas e o Retrato de um Povo” é composta por quadros e fotografias representando as tribos angolanas.

As obras confeccionadas em madeira, tecidos, cordas, verniz, cola, tinta, sementes e graxa demonstram hábitos e costumes do povo Bantu e convidam o visitante a pensar sobre as angústias do povo angolano, induzindo-o a refletir sobre sua cultura.

Comentar

Percepções dos cidadãos sobre os rumos da democracia brasileira

A Unicamp realiza no dia 23 de maio, à partir das 9 horas, no Centro de Convenções, mais uma edição do Fórum Permanente de Políticas Públicas e Cidadania. O Fórum tratará do tema "Das ruas às urnas? Percepções dos cidadãos sobre os rumos da democracia brasileira: de junho de 2013 aos dias atuas".

Comentar

Conheça e participe dos próximos eventos culturais da Unicamp

No xadrez: ciclo de cinema sobre prisões – Mostra terá início em 2 de maio e ocorrerá todas as terças e quintas-feiras do mês,  sempre às 17 horas, na Sala Multiuso do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). A proposta é exibir documentários e ficções, curtas e longas-metragens, que tenham a prisão como um de seus temas. Após as exibições estão previstos debates. A mostra é aberta ao público em geral. Para saber mais clique aqui

Comentar

Fórum na Unicamp aborda capitalismo e meio ambiente

O Fórum Pensamento Estratégico (Penses) da Unicamp realiza, dia 27 de março, o Fórum "Capitalismo e Meio Ambiente, Crescimento Zero e Desenvolvimento Sustentável", tratando um problema na pauta de diversos países. O evento reunirá especialistas em economia e ciências ambientais para discutir o crescimento econômico e seu impacto no planeta e no bem-estar da população. O Fórum acontece no Centro de Convenções, das 8h30 às 17h30.

Comentar

Canarinhos da Terra com inscrições abertas para crianças e jovens

Canarinhos

O Projeto Canarinhos da Terra recebe inscrições de crianças e jovens, de 6 a 21 anos, para aulas de teoria musical, técnica vocal, repertório, preparação corporal e preparação cênica até 28 de fevereiro. Os ensaios são realizados às quartas-feiras e aos sábados, na Casa do Lago.

Comentar

Orquestra Comunitária da Unicamp seleciona músicos

Orquestra Comunitária da Unicamp

Orquestra Comunitária da Unicamp (OCU), projeto de extensão da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (Preac), está recrutando músicos, de qualquer faixa etária, que toquem instrumentos de corda, sopro e percussão, nos níveis intermediário e avançado.

Comentar

Páginas