Pedreira do Chapadão, em Campinas, será revitalizada

Trabalhos de recuperação do espaço vão até dezembro e o local vai funcionar para atividades de lazer e esportes, não mais para shows

O início das obras de revitalização da Praça Ulisses Guimarães, mais conhecida como Pedreira do Chapadão, em Campinas, foi anunciado nesta terça-feira, 16 de julho, pelo prefeito Jonas Donizette. O projeto prevê a recuperação do parque para utilização da área como espaço de lazer e de práticas esportivas, e os trabalhos devem estar concluídos até dezembro de 2013. O último evento realizado no local foi em 2007 e, desde então, a área não recebia manutenção adequada.

Com 130 mil metros quadrados, o projeto de revitalização da Pedreira engloba reparos no piso de paralelepípedo no palco de eventos, instalação de iluminação, reconstrução dos três lagos, com colocação de peixes, reparos nas pontes de madeira, nos bancos, pista de cooper e floreiras.

Além da reforma, a praça receberá dois playgrounds, academia para 3ª idade, três quiosques de madeira coberto com telhas cerâmicas para piquenique, pista de skate e uma praça de alimentação. A cascata do projeto original do parque será refeita. Haverá também um bolsão de estacionamento para 80 veículos.

Em uma das praças dentro da Pedreira, haverá a instalação de um circo-escola, no qual crianças poderão ter aulas de atividades circenses. A revitalização contemplará ainda melhorias no memorial em homenagem a Ulysses Guimarães, instalado no local em 16 de dezembro de 1994. A escultura é formada por de cerca de 2 mil chapas de aço recortadas e soldadas no paredão, tem 13m de altura e pesa 2,5t. A obra é assinada pelo artista campineiro Fábio Penteado.

O secretário de Serviços Públicos, Ernesto Paulella, informou que a obra de revitalização vai custar R$ 1,3 milhão, e será financiada com recursos próprios da Prefeitura.

“Pretendemos revitalizar todas as áreas de lazer da cidade e a pedreira é um símbolo para Campinas”, disse o prefeito que ainda pediu
 a colaboração dos usuários para manter os parques e praças públicos. “O que é público é de todos e todos temos que ajudar a conservar”, afirmou.

Anteriormente, a Pedreira do Chapadão servia de palco para eventos culturais e shows musicais, mas a Prefeitura não pretende trazer novamente este tipo de atividade para o local. “A ideia é criar um espaço bonito e acolhedor para a população praticar esportes e conviver com a família e com amigos”, declarou o prefeito.
 

Fonte: assessoria de imprensa da Prefeitura de Campinas

comentário(s)