Vila Antiga é uma das atrações de fim de semana em Campinas

Novo espaço em Campinas une educação, cultura e lazer

Vila Antiga CampinasPor Suely da Silva Lima

A Vila Antiga, espaço que une atividades culturais, educativas e de lazer em Campinas, está aberta ao público desde o mês de abril de 2011. O  projeto da Fundação de Desenvolvimento Humano Douglas Andreani traz um espaço integrado, que além de oferecer cursos para a formação de professores de educação infantil dentro da filosofia da Pedagogia dos Sentidos e atividades para crianças, valoriza e prioriza a preservação cultural e resgate da cultura antiga do ‘tempo dos pais e avós’. Também oferece cursos para adultos e uma série de atrações aos visitantes, como um museu de carros Ford. Entre as muitas atrações da Vila Antiga está o Observatório Astronômico Estelarium, que possui uma das maiores lunetas do Brasil. O local, comandado pelo astrônomo Júlio Lobo, está aberto aos visitantes e estudantes. 

Confira galeria de fotos

Segundo o diretor executivo da FDA, Carlos Andriani, o principal objetivo da Vila Antiga é a formação de professores. “O projeto nasceu do estudo da causa primária dos problemas sociais da sociedade, que encontrou a ausência de valores na escola. A partir deste ponto ficou claro que uma escola sem projeto pedagógico adequado e professores preparados, a educação estaria contribuindo para os problemas da sociedade”, argumenta. Este é o carro-chefe do espaço, que também abriga a sede da Associação Nacional de Professores do Ensino Infantil (Anapei).

Andriani explica ainda que a Vila Antiga é inspirada em um projeto da Coréia do Sul. A Folk Village instalada a 30 quilômetros da capital Seul faz um trabalho forte com as crianças. "As escolas circulam pelos museus e os diferentes ambientes da cultura e vi que isso poderia ser replicado no Brasil. Entendi que era necessário contribuir para a preservação de nossos bens culturais e na minha mente vinha a minha infância, vendo as senhoras tecendo o fio, fazendo cobertas, produzindo cerâmica, no engenho vendo a produção do açúcar mascavo etc. E tudo isso me encantava. A inspiração surgiu como uma sensação de ter que fazer algo semelhante, guardando uma outra ordem de grandeza, talvez, em função do meu mestrado em Educação”, afirma.

O espaço de 12 mil metros quadrados já ficou pequeno para tantas atividades e a prefeitura de Campinas cedeu mais 26 mil metros quadrados em uma área anexa para abrigar as novas construções, hortas, pomar, plantações de ervas medicinais, cana, milho, algodão, café e outras culturas que serão integradas com as oficinas. As crianças vão poder acompanhar os ciclos destes cultivos desde o plantio até o produto final.

No caso da cana-de-açúcar, por exemplo, os pequenos acompanharão o ciclo até a fabricação do açúcar mascavo, produzido no engenho de mais de 30 anos vindo do Ceará e que está sendo instalado no local pelo “Seu” Raimundo, um homem de 71 anos que veio para Campinas junto com o engenho e está na cidade há meses para a instalação e construção do forno que começará a funcionar no fim do ano.

Como o moinho, várias construções vieram de outros estados, como Minas Gerais e Mato Grosso. Casas foram desmontadas e trazidas para Campinas onde foram reconstruídas do mesmo jeito de onde estavam instaladas em suas cidades de origem e, na Vila Antiga, terão a mesma função. Como a Casa Mineira, um local que vai abrigar uma casa de chás com fogão a lenha, onde as crianças vão ter oficina para conhecer os usos das plantas medicinais.

Futuro

Esta é a primeira Vila Antiga do país, mas existem projetos para mais quatro, uma delas em Fortaleza, e as outras três estão em estudo. Onde houver uma unidade da Vila, serão trabalhados cinco valores: amor (colocar o outro em primeiro plano), paz (aceitar o diferente), verdade (o que flui da consciência), ação correta (o que flui da consciência é o que você faz) e não violência (não aceitar violência, mas ser amoroso com quem é violento).

Após três anos de obra, Andriani afirma que ela está apenas na segunda etapa do projeto. “A metade já está concluída e a partir de agora podemos falar com mais propriedade sobre a formação de caráter, porque já está funcionando o Centro de Formação de Professores da Escola Infantil. São os instrumentos para atuar na formação de caráter infantil.”

A Vila vai gerar mais de cem empregos. A expectativa é de receber um público de cerca de 1.500 pessoas aos fins de semana. 

Histórico

A Fundação Douglas Andreani, com sede em Fortaleza, foi criada para contribuir com a educação e com a gestão de liderança baseada em valores. Nos últimos 10 anos, contribuiu com o Sistema de Gestão da USP-Esalq em Piracicaba-SP, com a gestão da Santa Casa de Misericórdia de Piracicaba-SP, e nos últimos sete anos vem atuando na gestão de escolas voltadas para a educação infantil.

Atualmente a fundação atende 2.700 crianças em cinco escolas, além disso, também possui a faculdade Douglas Andreani e mantém cursos de pós-graduação gratuito para negros e indígenas.

Serviço:

Vila Antiga
Local: Rua Araçandiva, 401, Bairro Alphaville (extramuro)
Horário de funcionamento: das 8 às 17 horas.  O restaurante funciona das 11 às 15 horas (durante a semana) e nos finais de semana das 11 às 16 horas
Informações: (19) 3262 - 0477
Entrada: R$ 5 (criança) R$ 10 (adulto)

Leia ainda: Planetário da Vila Antiga, em Campinas, oferece atividades aos fins de semana

comentário(s)