Voltar para o visitecampinas.com.br
Blog do Chef Mané
Cozinha essencial
por Manuel Alves Filho
Publicado em 1 de setembro de 2017

Marili não é chef. É cozinheira. Não domina técnicas rebuscadas e nem jargões da gastronomia. Somente cozinha. Não tem formação superior na área. Tem sensibilidade para combinar temperos. Não usa dólmã bordada. Veste camiseta e avental. Não aparece em programa de televisão. Seu palco é a cozinha. Não faz do ofício um projetor da vaidade pessoal. Exerce-o dignamente como ganha pão.

Marili, então, tem mais valor que um incensado chef de cozinha? Não. Mas também não é inferior a ele. Na verdade, ambos se complementam, dado que a gastronomia é um campo amplo que abriga profissionais de diferentes perfis, experiências e compromissos. Precisamos deles todos. Marili, por exemplo, é indispensável à refeição do dia a dia, aquela que alimenta e conforta, que satisfaz e revigora.

Marili comanda atualmente as panelas do Coco Verdon, restaurante localizado no Jardim Primavera, em Campinas. A casa abre para o almoço e, eventualmente, às segundas e sextas-feiras à noite, quando promove eventos especiais. O cardápio é formado por pratos executivos, que se aproximam da comida que costumamos fazer em casa. Tem sempre uma opção de peixe, frango e carne bovina. Tem também o prato fitness e o prato do dia.

Baixei por lá numa quarta-feira que tinha almôndegas ao molho, guarnecidas por arroz, feijão e batatas rústicas. Antes do prato executivo, é servida uma salada de alface, tomate e cenoura crua ralada. O fotógrafo Ronei Thezolin escolheu o peixe do dia, que segundo ele estava muito bem temperado. Comida boa, desafetada, muito apropriada para quem ainda terá meio período de trabalho pela frente. Definitivamente, Marili saca dos paranauês. Pratica o que eu definiria como “cozinha essencial”. 

Coco Verdon – Rua Jorge Figueiredo Côrrea, 1.167, Jardim Primavera, Campinas. Telefone (19) 99779-1130


Fotos: Ronei Thezolin

Compartilhe

Newsletter:

© 2010-2019 Todos os direitos reservados - por Ideia74

+ Blog do Chef Mané