Faça as Malas
Expoflora apresenta novidades em flores e plantas que ajudam o mercado floricultor a espantar a crise.
por Marcos Craveiro
Publicado em 31 de agosto de 2018

Com poucas expectativas de um crescimento econômico nacional nos próximos anos, o Ibraflor – Instituto Brasileiro de Floricultura – tem orientado os produtores a reduzir custos e a inovar. Com isso, o mercado floricultor deve crescer cerca de 10% este ano em relação a 2017. As novidades deste mercado em 2018 serão apresentadas na Expoflora, entre 23 de agosto e 24 de setembro, em Holambra (SP).

Com um olho que não desgruda do mercado de decoração e outro que busca sempre novos nichos de venda, como os chamados autosserviços (supermercados, varejões etc.), os produtores de Holambra investem cada vez mais em tecnologias e importam novas variedades de flores e plantas que deslumbram os consumidores.

Para apresentar essas novidades, os produtores de Holambra utilizam-se dos jardins, da exposição de arranjos florais, da mostra de paisagismo e de muitos outros espaços oferecidos nos 250 mil metros quadrados do parque da Expoflora – maior exposição de flores e planta ornamentais da América Latina –, que acontece entre 23 de agosto e 24 de setembro, de sexta a domingo, das 9 às 19h, em Holambra (SP). O município tem apenas 13 mil habitantes, mas responde por cerca de 50% de todo o comércio de flores do Brasil.

Tendências

Considerada o “fashion week” das flores, a Expoflora apresenta ao público as flores e as plantas ornamentais cultivadas por mais de 450 produtores, que usam o evento como vitrine para lançar as novas variedades de flores e plantas no mercado, ditando as tendências no paisagismo e na decoração, ao mesmo tempo em que avaliam a aceitação dos produtos pelo consumidor.

Este ano, as novidades são a rosa “Inglesa” (que tem mais de 100 pétalas e que lembra as raras e caras peônias) e a rosa Bluez, com pétalas aveludadas em tom vermelho brilhante por dentro e com o lado externo todo branco. A pelargonium se parece com o gerânio. As Perpétuas são elegantes e resistentes. A Chasmanthe apresenta cores vivas, do amarelo ao vermelho. E os gladíolos, que já contam com 260 variedades disponíveis no mundo, ganham mais duas “irmãs”: a cor de laranja Sunshine e a branca, com flores maiores batizada de Solist.

Destaque para a petúnia “Night Sky” (roxa com pigmentos brancos, remetendo a um céu estrelado), a craspédia (arredondada, com várias florzinhas amarelas), as alstresias (mistura de alstroemérias com frésias), alstroemérias “Jumbo” e “Azul”, a suculenta echevéria na cor chocolate e duas novas variedades de crisântemos (“Lígia” e “Ipanema”).

Há flores de todos os tamanhos, como o lírio gigante “Jovem”, minicallas, minigladíolos, minikalanchoes (em embalagens com a Turma da Mônica para aproximar a criançada das flores) e as miniphalaenopsis em hidropote que duram 12 semanas. Para a decoração, estão sendo apresentadas as orquídeas estaqueadas em formato de “coqueirinho” e gipsofilas (mosquitinho) tinturadas em 12 cores.

Compartilhe

Copyright ©2010-2018 Campinas.com.br. Todos os direitos reservados.

+ Faça as Malas