Blog do Vinho
Tap House Landel: para matar a sede dos brejeiros
por Suzamara Santos
Publicado em 21 de janeiro de 2019

Tap House Landel: esquina agradável para cervejeiros no bairro Taquaral. Foto: Álvaro Jr.

A nova casa da Cervejaria Landel chega em boa hora para nos salvar desse calorão infernal. A marca, nascida em Campinas há cinco anos, já ganhou moral entre os fãs da bebida e acaba de inaugurar a sua Tap House na simpática rua Oswaldo Cruz, no Taquaral. Para quem não sabe, “tap house” é um tipo de bar que reúne amigos para apreciar cervejas artesanais. Para montar o seu espaço, a Landel achou um imóvel desses com cara de classe média cinquentinha, com alpendre original da época, piso de madeira e paredes com detalhes em tijolo aparente, enfatizando o clima vintage do lugar.

A cervejaria pertence aos sócios Marcelo Crósta, Bruno Cardoso e Samuel Faria. Eles se conheceram na Associação Brasileira de Sommeliers-SP, num dos vários cursos de aprimoramento que faziam por hobby. Depois de muita cerveja compartilhada, estudos de técnicas, erros e acertos nas experiências, os amigos concluíram que dava para transformar o entretenimento no sonhado negócio útil e agradável.

Chef Adriano Ramos: barquete de caponata e rost beef

Como está numa esquina (com rua Maestro Elias Lobo), a casa se beneficia do vento que sopra por ali e faz do alpendre o espaço perfeito para as bem-vindas happy hours da estação. Para quem não se contenta em só matar a sede e quer conhecer mergulhar no universo cervejeiro, a Tap House dispõem de 10 torneiras (taps), abastecidas com as cervejas de linha da Landel (três são fixas no cardápio), além de outras sazonais e “convidadas”. As bebidas são servidas em copos de 200ml, 300ml e 500 ml. São essas as principais representantes da marca.:

– Session IPA (fixa): está na lista da Forbes (2015) entre as 30 melhores cervejas do mundo disponíveis no Brasil. Também figurou entre as melhores na revista Prazeres da Mesa, em 2017.

– Mandarina Lager (fixa): premium lager clássica, com toques do lúpulo alemão.

– American Wheat (fixa): estilo da família das ales, que traz uma versão mais lupulada das cervejas feitas de trigo.

– Cafetina Brown Porter (sazonal): leva adição de café de uma premiada família cafeeira da região, cuja torra foi escolhida especialmente para a receita. Não está disponível no momento.

Bartender Bruno Augusto prepara o original Lou Dog

Outro destaque da casa, que certamente vai conquistar os apaixonados por brejas é o Growlers Day, que acontece sempre no segundo sábado do mês. O evento combina música, boa gastronomia e preços especiais. Os growlers são relativamente conhecidos entre os cervejeiros. São garrafas retornáveis de vidro, cerâmica ou inox feitas para transportar cerveja. Nos Estados Unidos, o acessório já é bastante popular e no Brasil começa a aparecer aqui e ali em bares especializados.

Para acompanhar tantas brejas, o chef Adriano Ramos prepara comidinhas rápidas e leves. A barquete de caponata e o rost beef com creme de gorgonzola e vinagrete são escolhas perfeitas para esse estilo de evento. E não saia de lá sem provar o Lou Dog preparado pelo bartender Bruno Augusto. É um coquetel cheio de personalidade, feito com Session Ipa, bitter de poejo, run kraken, espuma de limão siciliano com hibisco e Dom Mix (xarope de grapefruit com canela). Como convém a uma casa cervejeira, tudo lá é muito descontraído e bem-humorado (repare nos rótulos). E os sócios avisam: animais de estimação são bem-vindos.

Por falar nisso, o cachorro que aparece nos rótulos das cervejas é o Estrela. Ele ganhou o status de “mascote da marca” por acompanhar as primeiras brassagens caseiras (maceração de grãos) realizadas pelos proprietários. “Mais do que uma homenagem ao companheiro de quatro patas, a imagem traduz o que os sócios idealizaram para suas cervejas – que elas sejam ótima companhia para quem as está degustando.”

ERA UMA VEZ TRÊS AMIGOS…

– Os sócios Marcelo Crósta, Bruno Cardoso e Samuel Faria se conheceram na Associação Brasileira de Sommeliers – SP, onde começaram a “desenhar” o projeto da cervejaria.

– Depois de seis meses de planejamento, em julho de 2013, os cervejeiros deram a largada no empreendimento, abandonando seus empregos e se dedicando exclusivamente ao projeto.

– Em outubro do mesmo ano estabeleceu-se a execução do modelo de negócio, que seria uma cervejaria cigana diferente. As ciganas se utilizam dos tanques e estrutura de outras cervejarias, enquanto a Landel tem seus próprios tanques.

– Em janeiro de 2014 foi realizada a primeira brassagem nas dependências da Cervejaria Universitária, a mais antiga da região em Campinas. Em março ocorreu o lançamento oficial da marca no Instituto da Cerveja Brasil, em São Paulo.

– Em 2016, com receitas sazonais cada vez mais surpreendentes, a exemplo da Smoketober (Oktoberfest bier) e Uinston (English Strong Ale), a Cervejaria Landel começou a realizar o Growler Day, dia em que os amantes das brejas podem abastecer seus growlers, ouvindo boa música e saboreando petiscos de chefs convidados ou de food trucks da região.

ANOTA AÍ

TAP HOUSE LANDEL, Rua Dr. Oswaldo Cruz, 607, Taquaral, Campinas, fone: (19) 3381-3916. De quarta a sexta, das 16h às 22h. Aos sábados, das 10h às 22h. Domingos, das 10h às 20h. Growler Days sempre no segundo sábado de cada mês, das 10h às 22h.

 

 

Compartilhe

Copyright ©2010-2018 Campinas.com.br. Todos os direitos reservados.

+ Blog do Vinho