Voltar para o visitecampinas.com.br
Conexão Digital
Tendências de marketing digital para 2019
por Tercio Dias Pereira
Publicado em 11 de março de 2019

Com a velocidade que a tecnologia vem imprimindo nestes últimos anos, não poderíamos deixar de observar o que está acontecendo e o que vai acontecer com o marketing digital ao longo de 2019. Todos os anos, novas tecnologias surgem, especialmente as relacionadas às redes sociais, mensagens rápidas e até e-mails ficam mais inteligentes, e os consumidores estão cada vez mais sendo impactados com inovações nesta área.

E o pior é que cada ano que passa, o ritmo fica mais acelerado para se adaptar! Disto ninguém duvida. Mas a máxima é uma só: Marketing é um conjunto de técnicas e estratégias elaboradas para atrair a atenção do público que você quer atingir. O marketing digital faz parte desta máxima. As únicas mudanças que continuarão ocorrendo estão para onde a atenção vai, e é isso que precisamos observar e alavancar.

Lendo um texto de Michel Tasner, CEO da No Joke Marketing, agência de geração e demanda focada em ROI e resultados, ele cita grandes tendências mundiais para o marketing digital em 2019. São elas:

1 . Inteligência Artificial

Este aqui veio para ficar mesmo! Milhões de dados hoje circulam pelo Big Data, milhões de campanhas de marketing são lançadas por hora no mundo. Precisamos ser capazes de entender melhor o comportamento e padrões de consumo, passando por dados! Precisamos apurar métricas on-line e descobrir os melhores canais de consumo para nossos clientes.

Você pode usar a AI para tarefas como minerar seu banco de dados e fornecer insights para sua equipe. Por exemplo, você pode aproveitar a inteligência artificial para encontrar clientes em potencial que se parecem com os clientes existentes ou verificar conversas nas mídias sociais para obter informações em tempo real sobre seus concorrentes.

Quanto tempo demoraria para saber o que cada pessoa hoje compra em um supermercado? O que está mudando no comportamento das pessoas? Qual a preferência de padrões de cores que o próximo inverno vai adotar? Hoje, meu amigo, só com AI. Os negócios que ainda não estão adotando estas tecnologias tendem a perder rapidamente seus clientes.

2. Empresas voltando a terceirizar os serviços de marketing

Fenômeno bem interessante estas ondas de consumo adotadas pelas empresas nestes últimos anos. Em 2010, as empresas começaram a vislumbrar os impactos mais fortes do Inbound Marketing, Marketing de Conteúdo, Outbound Marketing, Google Ads, porém suas estruturas na organização ainda não possuem velocidade e conhecimento interno para implantarem rapidamente tanta mudança.

Logo apareceram grandes empresas de tecnologia oferecendo soluções de automação de marketing, inovadoras, muita agressivas em vendas, e bem
aportadas financeiramente que geraram um volume de terceirização jamais visto antes em grandes empresas.

Alguns anos depois, os clientes começaram a entender que estas soluções apresentavam resultados insatisfatórios de ROI, porém perceberam a
importância destas novas tendências no cenário do novo consumidor 2.0.

Decidiram, então, internalizar. Mas nestes últimos anos de vacas magras na economia, e devido à velocidade de novas mudanças que estas estratégias
impõe, investimentos altos para se manter atualizados, treinamentos, hoje estão revendo suas organizações de marketing para deixar apenas gestores
especializados, e voltar à terceirização. Contratos mais justos para os dois lados, SLA, métricas mais fáceis de mensuração, também colaboram para isto. Notamos aumento expressivo de consultas de antigos clientes de outros anos, que verticalizaram em outrora e que agora estão retomando os serviços de marketing digital.

3. Chatbots

Estima-se que até 2022, os chatbots ajudarão as empresas a economizar mais de US$ 8 bilhões por ano.

Os chatbots nasceram com o objetivo de eliminar as tarefas repetidas no âmbito do atendimento ao cliente, substituindo parcial ou até totalmente o
uso do ser humano neste setor. Eles podem ajudar com as tarefas de atendimento ao cliente e vincular seus vários sistemas a responder perguntas
repetitivas do cliente, como: “Quando meu pacote será entregue?”, “Que horas é a minha consulta?”, “Onde você está localizado?”.

Os bots também podem ser usados ​​para aquecer clientes em potencial, agendar compromissos de vendas e auxiliar no processo de fazer compras.
O segredo aqui é descobrir se você deseja utilizar um bot para atender seu cliente ou aumentar sua capacidade de gerar vendas. Nos dois casos você já
consegue vários desenvolvedores que te ajudam a resolver qualquer uma destas dores.

Apesar dos bots surgirem para substituir o elemento humano da operação diária, é preciso refletir que ainda eles estão destinados a assumirem operações humanas complexas. Eles já podem ajudar e ainda estão evoluindo e melhorando.

4. Busca por voz

Em conversas com muita gente deste mercado, é unânime a opinião de que soluções de áudio estão fazendo e vão fazer parte integrante de nossas vidas muito em breve. Fabricantes de teclados de microcomputador talvez precisem ter cuidado! Se forem substituídos pela voz, talvez seus dias estejam contados ou sua necessidade drasticamente diminuída!

Quem conhece o Alexa, pode entender melhor o que estou falando.

Já existem várias soluções de otimização de website utilizando o áudio. Recomendo fortemente sua implementação para surfar nesta nova onda que
está chegando. O mais interessante é que esta tecnologia está chegando perto de uma conversa mesmo.

Lembro dos meus tempos que pedia para o Google:”Loja de roupas!”. Daí ele me trazia mais 1.000 lojas de tudo quanto era tipo de roupa e ficava
pesquisando, pesquisando…

Agora perguntamos: “Google, onde fica a loja de roupas masculinas especializada em ternos perto da minha casa?” E o Google te responde com
algumas lojas exatamente como você pediu a ele.

Então, para você incorporar sistema de áudio em seu website, é preciso saber o que seus clientes estão buscando. Tenha em mente que as perguntas serão de cauda longa, mais conversacionais, e as respostas poderão vir no mesmo tamanho.

O segundo passo é incorporar essas perguntas e frases em todo o seu site. Crie uma seção de perguntas frequentes e responda a todas as perguntas que você descobriu. Você também pode escrever posts sobre os vários tópicos e questões, mas a melhor maneira é incorporar naturalmente as frases
específicas. Se você estivesse otimizando para “restaurantes que servem o jantar agora”, poderia escrever um conteúdo que diz: “Servimos o jantar das
17h às 22h, de segunda a sábado”. Isso seria pego e permitir-lhe classificar mais alto com pesquisa por voz.

Muito legal, não? Mas é preciso se preparar.

5. Marketing de Influenciadores Locais

Embora o marketing de influenciadores não seja um tópico novo, o foco nos influenciadores locais é. A menos que você tenha uma marca global massiva ou um negócio de e-commerce, é provável que seu marketing seja em grande parte local.

Embora seja “legal” para um influenciador ou celebridade endossar seu produto ou serviço para seus milhões de fãs sociais, pode ser de curta
duração. Tente fazer parcerias com influenciadores locais e organize campanhas e promoções de longo prazo.

Faça uma lista dos principais influenciadores em seu mercado. Confira podcasts, Facebook, Twitter, YouTube, Snapchat, Instagram e outras
plataformas. Siga-os primeiro e aprenda sobre eles e sua marca. Então, comece com uma mensagem casual e inicie uma conversa para
parcerias.

6. Vídeo ao Vivo

O vídeo ainda está no topo do marketing de conteúdo e é a bola da vez. A única coisa melhor é o vídeo ao vivo. Coloque-se no lugar de seus clientes. O que você gostaria de conhecer e experimentar sobre a sua empresa? Pense nas visitas aos bastidores do seu escritório, demonstrações / lançamentos de produtos, perguntas e respostas ao vivo, etc.

Há duas etapas de ação-chave para mover a agulha com o vídeo ao vivo. Primeiro, é importante criar uma estratégia de conteúdo robusta. Minha
estratégia favorita é simplesmente sentar por uma ou duas horas, pegar algumas notas e apenas trocar ideias. Quais são as coisas que seus clientes
considerariam úteis ou divertidas, o que precisam receber informação? Faça um brainstorm e gere ideias até que sua mão comece a doer… kkkk

Tenha em mente que o vídeo deve ser seu ponto de partida, mas esses recursos podem ser aproveitados em várias plataformas e transformados em outras formas de distribuição de conteúdo (áudio, blogs, white papers, infográficos, mídias sociais etc.).

O segundo passo é escolher a plataforma em que você quer se concentrar – Facebook Live, YouTube ao vivo, Instagram ao vivo, Periscópio ou até
Livestream.com. No momento, estamos aconselhando nossos clientes a se concentrarem mais no YouTube ao vivo e no Instagram, pois o espaço é menos lotado. Mantenha seus vídeos divertidos, envolventes e crie experiências ao longo do caminho.

Embora existam muitas outras táticas, estas são as cinco que proponho as empresas se concentrarem para começar em 2019. Com isso dito, as
tendências não substituem o bom marketing. As três melhores maneiras de se destacar no meio da multidão são construir sua marca, contar uma ótima história e fornecer conteúdo útil e autêntico. Faça essas três coisas de forma consistente e aproveite as últimas tendências e permanece na liderança do jogo.

7. Ah, SEO continua mandando mais forte do que nunca

O trabalho de otimização de mecanismo de busca (SEO – Searching Engine Optimization), para se tornar mais qualificado nas buscas e listagens Google, foram largamente utilizados nestes últimos anos e continuará valorizado em 2019 e 2020.

Com as novas leis de proteção de dados do consumidor chegando, torna-se cada vez mais importante se colocar entre os primeiros nas listas das maiores ferramentas de busca deste mundo.

O Google vem frequentemente atualizando regras para o seu site aparecer mais nas buscas, consequentemente pede que os profissionais desta área
busquem constante atualizações, visando adaptar os novos hábitos dos consumidores às novas tecnologias que vem chegando.

8. Tendências das redes sociais para 2019

O comportamento do consumidor vem se alterando numa velocidade espantosa e as redes sociais tem muito a ver com isso, e elas também devem
acompanhar as novas tendências. Segundo relatório de Amy Gesenhues, de 24 de julho de 2018, publicado no site marketingland.com, alguns pontos a considerar:

1. Nos últimos anos, os gastos com anúncios no Instagram cresceram 4 vezes mais que o Facebook, ano após ano;
2. Em 2018, os gastos com o canal Youtube foi o triplo do ano de 2017;

Analisando as opções de anúncios do Facebook , a agência mundial especializada em marketing Digital Merkle mostrou que o crescimento da
taxa de cliques (CTR) ano após ano para os anúncios do Facebook durante o segundo trimestre foi de 44%, enquanto o crescimento menos acentuado dos CTRs foi de apenas 28%.

O serviço móvel continua a representar uma parcela maior dos gastos com anúncios do Facebook – 82% no segundo trimestre de 2018, acima dos 74% do ano anterior. Quase todos os cliques em anúncios do Facebook ocorreram em dispositivos móveis: 92% no segundo trimestre de 2018, comparados a 79% no segundo trimestre de 2017. Isso marca a primeira vez que a parcela de cliques em anúncios para dispositivos móveis do Facebook superou 90%, segundo Merkle.

O Instagram não foi a única plataforma a ter um crescimento de três dígitos nos gastos com anúncios. Os clientes da agência Merkle aumentaram o gasto com publicidade no YouTube em uma média de 189% ao ano no segundo trimestre. As impressões de anúncios do YouTube aumentaram 225% e os CPMs caíram 11%. Telefones e tablets foram responsáveis ​​por 79% dos gastos com anúncios do YouTube durante o segundo trimestre deste ano – em comparação com os 71% de um ano atrás.

As redes sociais pagas (Facebook, Instagram e YouTube) foram responsáveis ​​pela maior parcela dos gastos com dispositivos móveis (85%) em canais de publicidade digital que não são de pesquisa – superando o vídeo (78%) e a exibição (49%).

E você o que acha sobre as tendências do marketing digital para 2019? Registre aqui em nosso blog e vamos discutir a respeito. Quem sabe será tema aqui de nosso blog.

Até a próxima, abraços!

Compartilhe

Contatos Campinas.com.br:

Redação: (19) 2511-3738

Comercial: (19) 9 8454-0081

E-mail: contato@campinas.com.br

Envie um WhatsApp para o comercial

Cadastro Newsletter:

Cadastre-se para receber todas as novidades do Campinas.com.br

Faça sua divulgação no Campinas.com.br Divulgue seu estabelecimento no Guia + Clube Campinas

Copyright ©2010 - 2019 Campinas.com.br. Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Ideia74

+ Conexão Digital