Carros
Novo Mercedes-AMG CLS 53 chega ao Brasil
Publicado em 31 de outubro de 2018

Modelo traz a nova linguagem de design da marca e estará no Salão do Automóvel

Com nova motorização e detalhes inéditos de estilo e tecnologia, o modelo Mercedes-AMG CLS 53 4MATIC+ chega ao Brasil. O automóvel conta com o novo motor de seis cilindros em linha da Mercedes-Benz: o motor eletrificado com 3,0 litros, alimentado por um duplo compressor atuado pelos gases de exaustão e um inédito compressor elétrico auxiliar. Em situações normais, esse motor disponibiliza 435 cv de potência e um torque máximo de 520 Nm. Ele conta também com o auxílio do motor de arranque/alternador EQ Boost, que pode fornecer, em momentos determinados, 22 cv de potência adicional e com mais 250 Nm de torque. Além disso, o equipamento alimenta o sistema elétrico embarcado de 48 V. Outros destaques tecnológicos do CLS 53 incluem a transmissão SPEEDSHIFT TCT 9G e o sistema de tração integral AMG Performance 4MATIC+.

A terceira geração do CLS introduz a nova linguagem de design da Mercedes-Benz, que em breve estará presente em todos os modelos da marca, caracterizada pelas linhas mais simples e superfícies com menos vincos.

Motor com tecnologia EQ Boost

Ele foi concebido com uma nova arquitetura, que reduziu o espaço necessário para sua instalação. Isso acontece porque o motor de arranque/alternador EQ Boost, que combina o motor de partida ao alternador, é instalado entre o motor e a transmissão. Esse novo recurso, assim como a alimentação inteligente por meio de um compressor elétrico auxiliar e um turbocompressor que utiliza os gases do escapamento, melhora ainda mais a tradicional performance e o dinamismo de condução, reduzindo ao mesmo tempo o consumo de combustível e as emissões. O CLS 53 4MATIC+ acelera de 0 a 100 km/h em apenas 4,5 segundos e atinge uma velocidade máxima de 250 km/h (limitada eletronicamente).

Alto torque com resposta imediata

Nas arrancadas, um compressor elétrico auxiliar, apoiado pelo EQ Boost, fornece alta pressão de alimentação de forma praticamente instantânea para uma elevação do torque mais rápida para a aceleração, até que o turbocompressor maior, movido pelos gases do escapamento, seja acionado. Dessa forma, o motor de 3,0 litros reage de forma mais rápida, proporcionando uma resposta imediata ao acelerador sem a ocorrência do chamado ‘turbo lag’ (retardo entre o comando do acelerador e a resposta do motor).

Sistema elétrico de 48 volts

A energia para o sistema elétrico embarcado de 48 volts é gerada pelo motor de arranque/alternador EQ Boost. A rede convencional de 12 volts também á suprida pelo novo sistema por meio de um conversor de tensão. Com isso, a capacidade total das baterias do veículo foi aumentada, disponibilizando mais energia elétrica e, assim, permitindo também que novas funções inovadoras sejam introduzidas.

O sistema elétrico embarcado de 48 volts é o primeiro passo em direção ao futuro híbrido da AMG. Além disso, a mesma energia requer apenas um quarto da corrente de um sistema convencional. O resultado é que a fiação pode ser mais fina e consequentemente mais leve, o que indiretamente contribui para economizar combustível. O sistema de 12 volts existente fornece energia para pontos de consumo como luzes, cockpit, displays do sistema de informação e entretenimento e as unidades de controle.

Tecnologia EQ Boost

O motor de arranque/alternador EQ Boost é um componente-chave do sistema de 48 volts e não serve apenas como alternador – também é responsável por funções híbridas.  Isso permite economias de combustível anteriormente restritas apenas a tecnologias híbridas de alta voltagem.

Essas funções híbridas incluem um impulso extra, dado diretamente pelo motor elétrico, com 22 cv de potência e 250 Nm de torque, recuperação de energia, mudança do ponto de carga, modo ‘deslizamento’ (roda livre) e a religação do motor virtualmente imperceptível com a função start/stop.

O novo motor não tem correia para componentes auxiliares à sua frente. Por isso, o comprimento necessário para sua instalação é significativamente menor, em comparação com motores de seis cilindros convencionais. Isso permitiu espaço para instalar um sistema de pós-tratamento dos gases de escapamento próximo ao motor, que por isso é especialmente eficiente. O filtro de partículas de série é a única peça do sistema de escapamento que fica sob o assoalho.

Tração integral

A força do motor é transmitida à estrada pelo sistema de tração integral AMG Performance 4MATIC+. Esse sistema inteligente combina as vantagens de diferentes conceitos de tração: a distribuição de torque totalmente variável entre os eixos dianteiro e traseiro assegura não apenas uma tração otimizada, mas o motorista também pode desfrutar de alta estabilidade de condução e alto nível de segurança em quaisquer condições, em piso seco, molhado ou na neve. A transição entre a tração nas rodas traseiras e nas quatro rodas e vice-versa acontece sem intervalos, pois o controle inteligente está integrado à arquitetura geral de sistemas do veículo.

Uma embreagem controlada eletromecanicamente conecta o eixo traseiro, que tem tração permanente com o eixo dianteiro. A melhor distribuição de torque possível é calculada continuamente de acordo com as condições de direção e a intervenção do motorista. Isso possibilita uma variação contínua da distribuição de força entre as rodas: desde com a tração integral voltada à otimização da aderência à tração puramente traseira. A transferência acontece gradualmente, baseada numa complexa matriz. Juntamente com a aderência e a dinâmica lateral, a tração nas quatro rodas também melhora a dinâmica longitudinal.

Suspensão programável

A suspensão com câmeras de ar múltiplas com regulagem especialmente esportiva das molas/amortecedores e amortecimento ADS+ (Adaptive Damping System – sistema de amortecimento adaptativo) continuamente ajustável combina desempenho e conforto. Uma regulagem mais dura das molas, por exemplo, aplicada nas curvas e frenagens, reduz com eficiência a rolagem da carroceria.

O amortecimento de cada uma das rodas é ajustado para a situação de condução momentânea e as condições da estrada. Isso é feito de forma rápida e precisa, utilizando duas válvulas separadas para as forças de expansão e compressão nos amortecedores. As características de amortecimento também podem ser pré-selecionadas em três modos – “Comfort”, “Sport” e “Sport+”, permitindo uma diferenciação significativamente mais perceptível entre conforto e comportamento dinâmico.

Graças ao autonivelamento pneumático nas quatro rodas, o modelo de motor 53 mantém uma altura de rodagem constante, independentemente da carga do veículo. Para aumentar a distância do solo, em entradas íngremes para estacionamentos subterrâneos ou rampas, por exemplo, o nível pode ser elevado ao toque de uma tecla. O nível é abaixado automaticamente em alta velocidade. Isso melhora a estabilidade e manobrabilidade, graças ao rebaixamento do centro de gravidade.

Dados técnicos: 

Mercedes-AMG CLS 53 4MATIC+

Cilindros: 6 em linha

Cilindrada (cm³): 2.999

Potência máxima do motor a combustão (cv/rpm): 435/6.100

Torque (Nm/rpm): 520/1.800 – 5.800

Potência máxima do motor elétrico EQ Boost (cv): 22

Torque (Nm): 250

Câmbio: 9G-TRONIC

Aceleração 0 – 100 km/h (s): 4,5

Velocidade máxima (km/h): 250

Peso (kg): 1.980

Pneus: Diant. 245/35 R20, tras.275/30 R 20

Capacidade do porta malas (L): 490

Tanque de combustível/reserva (L): 66/7,0

O Mercedes-AMG CLS 53 4MATIC+ que tem preço sugerido de R$ 599.900,00 pode ser encomendado na concessionária CB Motors Mercedes-Benz que fica na Av. Antônio Frederico Ozanan 3.837, Jundiaí – SP. O telefone é (011) 3395-4050 ou (11) 9432-97709.

Compartilhe
Galeria de imagens

Copyright ©2010-2018 Campinas.com.br. Todos os direitos reservados.

+ Carros