Cinema
Confira a programação do Cineclube Catavento no MIS Campinas
Publicado em 27 de julho de 2017

O projeto Cineclube Catavento já preparou sua programação para o segundo semestre de 2017 e celebra mais uma temporada de circulação e difusão aberta de filmes nacionais alternativos e/ou independentes no espaço de exibição do Museu da Imagem e do Som de Campinas (MIS). As sessões gratuitas ocorrem sempre na última quinta-feira de cada mês, às 19h30, entre 27 de julho e 14 de dezembro. Na sequência, há discussão sobre o filme e as temáticas abordadas. 

A curadoria conta com a parceria de circulação de grandes iniciativas e atores na tarefa de circulação e difusão de filmes no Brasil como Taturana Mob, o Moinho Coletivo, MIS Campinas, Mídia Livre Vai Jão, entre outros.

Programação:

27/07 – “A Noite do Espantalho”
Ficção – Brasil (1974)
Realização: Sérgio Ricardo
Sinopse: Acompanhe um cordel em forma de obra cinematográfica. Conduzido pelo cantor Alceu Valença, que interpreta um espantalho, o filme narra a história de Zé Tulão, que encoraja os colonos a se rebelarem contra um coronel.

31/08 – “Eu Sou a Próxima”
Documentário – São Paulo (2017)
Realização: Coletiva Luana Barbosa
Sinopse: Foi construído com relatos de mulheres lésbicas, principalmente negras, sobre as violências sofridas e direitos apagados. O documentário será apresentado em memória de Luana Barbosa, mulher negra lésbica e periférica assassinada exatamente um ano antes por policiais militares.O caso de Luana foi arquivado pelo Ministério Público. 

28/09 –  “Cidade Oculta”
Ficção – Brasil (1986)
Realização: Chico Botelho
Sinopse: Anjo (Arrigo Barnabé), depois de cumprir 7 anos na cadeia, reencontra seu antigo comparsa, agora chefe de uma organização, e se vê às voltas com a estrela do submundo Shirley Sombra (Carla Camurati), além de arrumar inimizade com um policial corrupto (Cláudio Mamberti).

26/10 – “Ouvidores de Vozes”
Documentário – Ribeirão Preto-SP (2017)
Realização: Bruno Tarpani
Sinopse: “Eu ouço vozes”: essa é uma realidade vivida por muitas pessoas que estão em tratamento psiquiátrico na rede pública de saúde. O documentário Ouvidores de Vozes acompanha o cotidiano de algumas dessas pessoas, mostrando como lidam com essas vozes em suas vidas. A partir da inserção da equipe de filmagem no dia a dia dessas personagens, suas histórias e as opiniões de seus familiares e próximos acerca de sua condição serão conhecidas. O documentário dialoga diretamente com os valores e missão do Canal Futura, na medida em que sua realização e exibição têm como objetivo a fomentação da cidadania, dando visibilidade a questões tratadas com preconceito pela sociedade.

30/11 – “Corpo Delito” (foto)
Documentário – Brasil (2017)
Realização: Pedro Rocha
Sinopse: Ivan, 30, acaba de sair da cadeia depois de oito anos preso. Ele agora está de volta à sua casa, de volta ao convívio de sua esposa, Gleice, e de sua filha, Glenda, de seis anos, que ele mal conhece. É uma chance de retomar a vida. No entanto, o passado ainda o atormenta. Ivan está em liberdade condicional. Uma tornozeleira eletrônica o proíbe de de fazer qualquer trajeto que não seja o de casa para o trabalho, do trabalho para casa. Por determinação da Justiça, ele precisa cumprir uma rotina de 8 horas diárias apertando parafusos numa fábrica. À noite, ele não pode sair de casa. Aos poucos, Ivan passa a não aceitar mais essa condição.

14/12 –  “Charlote SP”
Ficção – Brasil (2016)
Realização: Frank Mora
Sinopse: No Brasil, ela encontra um velho amigo, um profissional do audiovisual, Marcelo Scorsésar (vivido pelo ator Guilherme Leal) que vai ajudá-la nessa nova vivência. Charlote vai descobrir na cidade, desigual e caótica, seu novo destino. Neste filme, São Paulo não é apenas um cenário estático: mais apropriado seria dizer que a cidade percorre cada um dos personagens, mais do que por eles é percorrida. Estes dois mundos, o de Charlote e o de Marcelo, resumem as contradições que fazem desta metrópole um dos lugares mais vibrantes e desafiadores do mundo.

Serviço:

Cinema: Cineclube Catavento
Local:Museu da Imagem e do Som. Palácio dos Azulejos, Rua Regente Feijó, 859, Centro – Campinas. (19) 3733-8800
Data: 27 de julho a 14 de dezembro – última quinta-feira de cada mês
Horário: 19h30
Entrada: gratuita

Compartilhe

Copyright ©2010-2018 Campinas.com.br. Todos os direitos reservados.

+ Cinema